Destaques

Visão Geral

Última atualização:
Cenarios
Simulação de cenários

Modelo epidemiológico para a cidade de São Paulo

Nova página Cenários!

O que aprendemos com cenários hipotéticos para a cidade de São Paulo? Apresentamos previsões de médio prazo feitas utilizando-se um modelo matemático de compartimentos que simula as características epidemiológicas da COVID-19, desenvolvido em colaboração com o Covid-19 International Modelling Consortium.

Ocupação de leitos
Estimativa do número de leitos

Quantos leitos precisaremos na cidade de São Paulo nos próximos dias?

Gŕafico mostrando o número de leitos ocupados na cidade de São Paulo

Estimamos o número de leitos ocupados no município de São Paulo usando os dados de notificação de hospitalizações por SRAG (Síndrome Respiratória Aguda Grave) da base SIVEP-Gripe corrigidos por atraso.

Avião sobrevoando o globo terrestre
Dinâmicas de contágio

Como epidemias se espalham por um país continental?

Gráfico de conexões sobre o mapa do Brasil que representa a dinâmica de propagação no país

Os pontos representam estados brasileiros e as setas indicam a intensidade de vôos saindo de um estado e chegando em outro.

A chave pode estar na rede formada por aeroportos e vôos conectando os estados brasileiros. Portanto, a análise da estrutura dessa rede aérea pode nos ajudar a entender a propagação do COVID-19 por nosso país.

Menino com garganta tossindo
Acompanhando casos graves

Quantos casos graves (hospitalizações) temos hoje na cidade de São Paulo?

Gŕafico mostrando a porcentagem de ocupação de leitos e o limite do sistema de saúde indicado

Estimamos o número de casos graves usando os dados de notificação de hospitalizações por SRAG (Síndrome Respiratória Aguda Grave) da base SIVEP-Gripe corrigindo atrasos, para o município de São Paulo. Projeções para os próximos 5 dias.

Avião sobrevoando o globo terrestre
Dinâmicas de contágio 2

E como as epidemias se espalham por dentro de um estado?

Gráfico de conexões sobre o mapa do São Paulo que representa a dinâmica de propagação no país

Neste relatório, associamos dados da rede de fluxos rodoviários e da demografia das microrregiões paulistas com os casos confirmados de COVID-19 atualizados em 04/04/2020 para gerar informações estratégicas sobre a propagação geográfica da pandemia de SARS-CoV-2 no Estado de São Paulo.

Identificamos microrregiões que podem atuar como núcleos propagadores da epidemia ou que têm alta vulnerabilidade a receber pessoas infectadas. Desta forma, atualizamos a identificação das microrregiões mais vulneráveis à propagação geográfica da pandemia do novo coronavírus (SARS-CoV-2) no estado de SP.

Leia os relatórios na íntegra:

Cada doente
Rede de hospitais e cemitérios

Vulnerabilidade estrutural dos hospitais e cemitérios ecrematórios da cidade de São Paulo à COVID-19

Gráfico de conexões hospitais-cemitérios sobre o mapa do São Paulo

Neste relatório, integramos os dados de óbitos da cidade de São Paulo entre os dias 02/04/2020 e 28/04/2020 com informações sobre o fluxo de vítimas entre os hospitais e os cemitérios e crematórios da cidade de São Paulo. Os principais objetivos deste relatório são descrever a estrutura do fluxo de vítimas entre localidades e sugerir mudanças no fluxo com base em distâncias geográficas de maneira a evitar uma potencial sobrecarga do sistema funerário

Desenho do coronavírus
Avanço da doença

Quantos casos notificados já temos no Brasil? Quantos teremos nos próximos dias?

Número de casos em escala logarítimica
Casos Confirmados Previsão


Confira o progresso de casos de COVID-19 notificados no país e em cada estado. Projeções para os próximos 5 dias em cada região.

Previsão de quando os leitos de São Paulo se esgotariam sem isolamento social
Esgotamento de leitos em São Paulo

Em quanto tempo 100% dos leitos de São Paulo estariam ocupados com COVID-19, sem distanciamento social?

Gŕafico mostrando a porcentagem de ocupação de leitos e o limite do sistema de saúde indicado

Sem nenhuma medida de controle de contágio, os leitos hospitalares da cidade de São Paulo já teriam sido completamente ocupados por pacientes de COVID-19 entre os dias 1 e 5 de abril.

Desenho que representa a transmissão da doença entre pessoas
Isolamento Social

Como o isolamento social influencia a dinâmica de propagação da epidemia?

Simulação visual de como ocorre a transmissão entre pessoas da doença

Nesta simulação cada pessoa tem um número de contatos e esses contatos estão espalhados no espaço e conectadas interações sociais.

Aqui, usamos um cenário bem simples para ilustrar as vantagens do isolamento social em reduzir a propagação de uma doença contagiosa. Nós traduzimos e adaptamos o modelo de propagação de um vírus em uma rede social feito por Uri Wilensky (Northwestern University).